Homem e mulher: as diferenças que se completam

Mulher e sua identidade / Reportagens

Aprendemos desde crianças que não podemos excluir aquele que de nós se difere, seja na cor, na crença, na etnia etc. O fato de alguém ser diferente de nós não significa que este seja inferior naquilo que estabelecemos como padrão. A beleza do masculino e feminino está na desigualdade que atrai o seu oposto, não no sentido de torná-lo inferior por aquele que julga ser o sexo forte. Melhor será se, dentro de nossos relacionamentos, as pessoas se comportassem como aprendizes daquilo que o outro tem a contribuir e que se percebe não ser próprio da sua natureza.

Homem e mulher são diferentes. As diferenças vão muito além do aspecto anatômico. Algumas características são muito próprias da personalidade masculina, percebidas facilmente no dia a dia das relações, na maneira de pensar, de agir e reagir. Trazemos prioridades distintas, temos identidades próprias. Para os homens a importância das coisas está no cumprimento de uma tarefa. Se há algo a ser feito, mentalmente ele projeta o tempo estimado para realizar o trabalho, enquanto a mulher, além de considerar o trabalho a ser executado, também considera os efeitos gerados por aquela ação.

Veja o especial sobre ‘Mulher’

Na mudança de uma mobília, por exemplo, elas querem que, além do espaço obtido, haja também a harmônia dos objetos. Se for preciso levar o filho ao dentista, o pai foca na ação de levar a criança ao consultório, enquanto a mãe está preocupada nas sensações que essa visita ao profissional pode gerar no(a) filho (a) – seus medos, inseguranças – e procura assim confortá-lo (a) tanto na ida quanto na volta da sua consulta, querendo saber da criança como foi a experiência.

A sensação comum é de que a mulher tem uma visão periférica tão eficaz capaz de “enxergar” até mesmo os sentimentos. Sem mencionar aqui a sua capacidade de trazer à memoria acontecimentos de anos atrás. Dessa forma, dentro das diferenças entre o masculino e feminino não podemos estabelecer um padrão, assumindo aquilo que somos como o modelo da perfeição. Tampouco cabe ao outro lutar para conquistar uma posição de igualdade para algo de que, na sua essência, não foi constituído.

Veja o vídeo: Homens e mulheres são iguais? (por Emmir Nogueira)

Ninguém gostaria de se relacionar com uma mulher que pensa e age como se fosse um homem. A feminilidade, a suavidade nos toques, a sensibilidade delas é aquilo que um homem espera. Da mesma maneira, a mulher espera do homem atitudes  que se traduzam em segurança, conforto, força, energia. Imaginemos a decepção de uma esposa que, ao ver uma barata, chama o marido e este, ao invés de matar o inseto, subisse também na cadeira e ambos começassem a gritar?

Lançando mão da nossa capacidade de aprendizado podemos aproveitar a convivência com o sexo oposto e aprender a olhar o mundo não somente com os próprios olhos, mas com os olhos da outra pessoa. Da mesma maneira, podemos aprender a considerar importante aquilo que para o outro é sua riqueza. Talvez seja necessário aprender a rir e a chorar com os nossos, a abraçar e nos permitir ser abraçados… E em outras ocasiões, deixar de competir entre nós.

Que em nosso mundo particular ninguém precise lutar com as discriminações ou estereótipos pregados pelo universo exterior; tampouco se percam o respeito e o amor que se complementam, entre homem e mulher,dentro da relação.

Um abraço!

Dado Moura (dadomoura.com)

Veja mais sobre o tema “Mulher”

O feminismo e a ‘guerra dos sexos’

Conceberás e darás a luz a um filho..


.

Tem algo a dizer sobre o tema? Participe!

25 Comments to Homem e mulher: as diferenças que se completam

  1. Rosiane Bucholz's Gravatar Rosiane Bucholz
    19 de março de 2012 16:35 Permalink

    ameiiii. se tds os homens lessem e essas palavrinhas entrassem na cabecinhas deles seria otimooo!!!!! 😉

    • Leonardo's Gravatar Leonardo
      22 de março de 2012 11:22 Permalink

      Minha irmã. A questão não está no defeito do homem, nem na “perfeição” da mulher como você apresentou mas sim na humildade em reconhecer suas próprias limitações como SER HUMANO e agir diferente. pense nisso em seu próximo comentário.

  2. Aline Silva's Gravatar Aline Silva
    21 de março de 2012 19:46 Permalink

    A necessidade da mulher modificar seu comportamento hoje, também vem do fato que os homens não cumprem seu papel. Digo isso com toda autoridade de quem foi criada por um homem “banana”.

    • Leonardo's Gravatar Leonardo
      22 de março de 2012 11:30 Permalink

      Minha irmã, bom dia. Ao visitar sites de cunho cristão, acreditamos primeiramente que aqueles que visitam possuem também as características inerentes aquela profissão de fé. Sabemos que no caminho das sagradas escrituras a única autoridade que TODOS nós temos vem de Cristo e somente de Cristo e por Cristo. Devemos todos saber que “Não julgueis para que não sejais julgado”. Então, devemos tomar muito cuidado com os julgamentos que, com certeza, não foi Cristo quem lhe deu essa “autoridade” de critica e julgar o “banana”.rnOutro aspecto é, qual é o preço da mulher mudar a sua essência para viver num mundo moderno ? Vocês não estariam traindo as escrituras ? Pensem nisso.

      • Aline Silva's Gravatar Aline Silva
        22 de março de 2012 13:22 Permalink

        O que expus foi apenas um fato de minha vida, não foi o que “achei” que aconteceu. Acho sim, que as mulheres tem que cumprir, o seu papel, mas os homens cobram isso das mulheres e não querem cumprir o seu. Se tivesse dependido do “homem” da casa que, segundo as escrituras “deve ser a cabeça”, a esta hora não estaria aqui contando a história, pois só para exemplificar, o “cabeça” da casa recusou-se a me levar ao hospital quando sofri “pequeno” um acidente causado por ele mesmo, e se não fosse graças a minha mãe que o enfrentou, hoje estaria sem um dos pés, segundo o médico que me atendeu. Será que a minha mãe por ser mulher e estar escrito na bíblia ” Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao SENHOR;”, não deveria ter questionado a atitude dele?

        • Leonardo's Gravatar Leonardo
          22 de março de 2012 17:42 Permalink

          Na verdade a palavra coloca a situação de que a mulher seja submissa ao homem. Qual o sentido disso ? Submissão é diferente de subordinação. Submissão é estar ao lado é estar “sob a mesma missão”.rnA questão de ela ter tomado a dianteira ou ter sido a “cabeça” naquele momento e ter lhe ajudado, em nenhum momento deixou de ser a mulher proposta na palavra, que é de estar na mesma missão de construir, proteger e unir o lar, a missão de construir a família. A missão é dos 2 e não de um só, ou de um só pois os dois formam um só corpo com o matrimônio, entende ?rnNão podemos engessar as palavras da Escritura como fazem os evangélicos, sempre dizemos, “texto sem contexto é pretexto”.rnA questão é, para libertar-se desse trauma do passado basta orar pela pessoa, é o que todos devemos fazer, quanto mais você lembrar e atacar essa situação, mais ela vai fazer parte de sua vida e mais vai lhe causar desgaste. Pense que nos tempos Bíblicos a missão do homem era trabalhar e trazer dinheiro pra casa e só. A missão da mulher era TUDO, tudo mesmo, entende ?rnTodo o ser humano é diferente, não precisamos pensar no homem x mulher, mas sim no ser humano, todos temos fraquezas, limitações e em contrapartida temos nossos pontos fortes. Pensando no casal, a limitação de um é a força do outro, os dois formam, em Deus, um novo ser, o ser CASAL. como havia falado pra irmã, o amor é a capacidade de doar-se e não de cobrar ou desejar ser amado. Quanto ao depender, imagine se Deus dependesse da nossa fidelidade ? já pensou ? Abraços e que Deus te abençoe.

          • Lindalva Cordeiro Lopes's Gravatar Lindalva Cordeiro Lopes
            9 de agosto de 2014 20:30 Permalink

            Dessa forma, então, a submissão precisa ser mútua, o homem também precisa ser submisso à mulher.

          • rone's Gravatar rone
            24 de abril de 2015 23:00 Permalink

            Você é bem contraditório. Primeiro disse que o autor falou sobre a perfeição da mulher e o defeito do homem. Agora você diz que a mulher faz tudo e o homem é limitado? Meu caro, homens e mulheres não são limitados. Você é quem está confuso.

  3. Cesar Nascentes's Gravatar Cesar Nascentes
    21 de março de 2012 19:47 Permalink

    Deus fez as mulheres bonitas, atraentes e sagradas. Bonitas e atraentes elas sabem que são, sagradas não!

    • Leonardo's Gravatar Leonardo
      22 de março de 2012 11:36 Permalink

      Infelizmente meu irmão, tenho que concordar. Do mesmo modo que falei com a irmã acima, as mulheres na sua maioria, perdem muito tempo com julgamentos e revoltas contra o sexo oposto e, além disso, cultivam uma cultura de sexualidade e imoralidade.rnComo foi abordado no texto, a respeito do olhar, toda a mulher sabe que o homem é atraído pelo que vê e aproveitam-se dessa situação para se vestir como verdadeiras “profissionais” para fazer o homem cair.rnO pior e o mais nojento dessa situação é que ela acontece MUITO dentro da nossa Igreja. já dizia uma placa na porta da Paróquia: “Estou vestido adequadamente para entrar neste lugar santo?”rnA santidade do sexo feminino é um conceito em extinção.

  4. Danielly's Gravatar Danielly
    21 de março de 2012 23:30 Permalink

    Achei muito importante esse tema. Hoje, nós mulheres independentes, pensamos que devemos ser como os homens e, os homens, por sua vez, nos dizem direitos iguais. Não adianta pensar dessa forma, devemos manter a nossa essência para que possamos completar um ao outro, já que o objetivo de matrimônio é esse, fazer-se uma só carne.

  5. Mariana Mendes's Gravatar Mariana Mendes
    22 de março de 2012 08:25 Permalink

    Nós mulheres somos desde a criação humana tão importante, e não mais que os homens, nem menos, mas por igual. Os homens, pais, também têm sua importância. Mas eles sempre se acharam os deuses gregos e subjulgaram ás suas mulheres( mães, esposas, tias, avós, filhas..). Realmente muitas mulheres são santas e a Igreja deveria santificá-las por isso, rs. Aguentar esses homens feitos de barro só pra quem é santo mesmo, rs. Mas voltando ao papo ‘diferença’, vou usar uma palavra que define pra mim, a verdadeira igualdade, respeitando a diferença entre uma mulher e um homem, ou um homem e uma mulher, já que a ordem dos fatores nao altera o produto, certo? A palavra de chama JUSTIÇA! Sim, a justiça é (deveria) ser igual para todos. Esse mundo nao é das mulheres, tampouco dos homens. Esse mundo é de Deus, e nele habita negro, branco, mestiço, rico, pobre, feio, deficiente… Não importa, todos somos iguais nessa ampla diferença. A questão é o tratamento como damos uns aos outros. E com meus 27 anos de vida, ainda não vi um homem merecedor do amor de uma mulher, por não amá-la como diz na Bíblia, por não respeitá-la verdadeiramente. Justiça? Só Deus é verdadeiramente justo. Aqui é terra de fantasia, apologia, injustiça. Não espero do humano milagre, mas saber reconhecer e deixar Deus nos moldar transforma tudo ao redor. De nada acontece, não tem efeito Igreja, comunidade, padre.. se nao nos reconhecermos e abrirmos ao Cristo para toda mudança. Muitos preferem uma terra de faz de conta e o orgulho é tão maior que está difícil muitos reconhecerem que há um Deus. Portanto, não somos robôs, somos todos diferentes, desde os anjos, até os humanos. Mas a justiça divina e o amor são iguais para cada um. É nesse Deus q acredito!

    • Leonardo's Gravatar Leonardo
      22 de março de 2012 11:52 Permalink

      Irmã, como falar em justiça se o seu comentário foi fundamentado em críticas e julgamentos. Como dizer que nunca conheceu um homem que não “merece” o amor de uma mulher, interessante o conceito mas deixe-me apresentar o outro lado da moeda. Como que um homem é capaz de amar uma mulher que veste-se como “profissional”? vai me dizer que ela se veste assim pra ele ? conta outra …rnComo um homem vai amar uma mulher que quer ser igual a ele e se duvidar “tomar” o seu lugar, alegando “justiça”, “discriminação” entre outros, e remando em sentido contrário a palavra de Deus ? me diga irmã, como isso pode acontecer ? Sou casado, graças a Deus nós dois levamos uma vida de santidade, desde o namoro, e te digo, é MUITO difícil, mas totalmente GRATIFICANTE. Mas mesmo no seio de Cristo, todos temos nossas dificuldades, mas como Cristo, com Cristo e por Cristo, aprendemos que o amor nunca vem do outro mas sim consiste na nossa capacidade de doar-nos para com o outro. A partir do momento em que desejamos o amor do outro, nós mesmos estamos deixando de nos amar e tornando-nos egoístas e orgulhosos. Onde está a partilha ?rnEu digo pra você minha irmã, eu abandonei MUITA coisa para me dedicar a minha mulher, inclusive minha família, pois agora sou uma nova família. Te digo com toda a certeza, se você ainda tem esse tipo de pensamento em relação a figura masculina, é bom você começar a procurar em outro lugar o seu par, por que no mundo você só vai encontrar isso aí mesmo, falta de amor, partilha etc.rnBusque um amor que concorde com a castidade por exemplo, aí você pode começar a sentir amor em alguém, pois quem AMA ESPERA.rnO conceito que você usa dos homens do mundo, podemos usar o mesmo conceito para as mulheres do mundo, vai no cabeleireiro de dia, compra uma roupa curtíssima de tarde e vai pra balada à noite e não consegue um homem que passe mais do que a noite no motel. Estou errado ? ou no mínimo, por suas vestes, aparece e insinua-se para homens comprometidos, assim escandalizando a este e afastando-se cada vez mais de Deus por cultuar a promiscuidade, pecar e levar os outros ao pecado.rnPense nisso, não seriam nós homens que deveríamos estar revoltados ? Que mudança hein ?rnDeus a abençoe.

  6. Marcos Lesse's Gravatar Marcos Lesse
    22 de março de 2012 08:44 Permalink

    nós homens sem as mulheres não seríamos nada

  7. JeamesPessoa's Gravatar JeamesPessoa
    22 de março de 2012 10:29 Permalink

    Tema muito bem abordado, perfeito.

  8. Rodrigo's Gravatar Rodrigo
    22 de março de 2012 11:30 Permalink

    Ótima reflexão. Acabei em vendo nas situações colocadas pelo autor. É muito bom ler um texto e se identificar com ele.rnrnAbraços,rnrnRodrigo José.

  9. Maria Lucia Dias de Souza's Gravatar Maria Lucia Dias de Souza
    22 de março de 2012 11:57 Permalink

    Uma mulher de verdade, sempre vai ocupar um lugar na sociedade…Ela tem o seu valor, perante o criador de todas as coisas…os limites ela mesma deve impor perante sua existencia aqui onde Deus confiou sua morada terrestre.E preciso valorizar,o seu Eu de Mulher…seu corpo, onde foi moldado por Deus para sermos Sacrario vivo de Deus.O proprio Deus se fez homem, mas para isso precisava de um ventre materno, um ventre de mãe…um orgão feminino, pronto para acolhe-lo…maria a escolhida para ser a Mãe de Jesus o filho de Deus no meio de nós…A mulher é grande aos olhos de Deus…por isso não tente mudar aquilo que Deus ja Designou:E Deus criou Homem e mulher a sua imagem e semelhança.

  10. NILDA ADELIA's Gravatar NILDA ADELIA
    22 de março de 2012 13:25 Permalink

    amei esse tema,um completa o outro.

  11. CARMEN LUCIA DITZEL's Gravatar CARMEN LUCIA DITZEL
    22 de março de 2012 13:32 Permalink

    Diante dessa reportagem peço a Deus que nos permita ser sensíveis a beleza do ser humano: homem e mulher com suasrncaracterísticas e sua função no mundo. Acredito que homem e mulher se completam no dia a dia, tornam a vida mais bonitarne feliz; é necessário que tenhamos a humildade de aprender rncom o outro e sermos melhor a cada dia, sendo homem e mulher, a imagem e semelhança de Deus.

  12. Jéssica's Gravatar Jéssica
    22 de março de 2012 15:27 Permalink

    Esse tema é muito bom e tem me ajudado a entender-me e a entender e compreender mais ser masculino.È muito bom encontrar artigos que esclarece nossos questionamentos ainda mais quando vem de uma base religiosa.rnE uma coisa que gostaria de saber se existe a polução nem mulher?rnSera que vocês poderiam me responder

  13. Viviann Carolinne's Gravatar Viviann Carolinne
    22 de março de 2012 17:30 Permalink

    “As diferenças entre homem e mulher, quando colocadas como parâmetro, e não é vivido e amadurecido pelo casal, torna o relacionamento uma forma de imposição ao que o outro é. Sábias palavras quando coloca o aprendizado do que o outro é como a melhor forma de se relacionar mesmo entre as diferenças. A diferença existe para completar aquilo que temos de igual – nossos sentimentos, nossa dignidade e o amor de Deus por cada um de nós, homens e mulheres.

  14. Alex's Gravatar Alex
    27 de abril de 2012 15:33 Permalink

    Acho que a mentalidade da mulher esta falida e só vai piorar , porque elas se deixando levar facilmente por idéias malignas como o (FEMINISMO MACHISTA),até a sensibilidade da mulher esta desaparecendo.sinto falta de uma verdadeira mulher, feminina, sensível e pronta para dar uma resposta quando o chão some debaixo dos pés. Porém se você se abre com alguma , elas vêem em você um homem fraco e incapaz de passar segurança a elas.O(FEMINISMO MACHISTA) deixou elas como os machões do passado indelicados e insensíveis … Já nós homens estamos mais serenos e sensíveis e isso não quer dizer que somos bebés chorões incapazes de amar de verdade e passar segurança a alguém.

    • rosangela's Gravatar rosangela
      13 de agosto de 2012 11:34 Permalink

      Bom dia Alex! rnrnPassei por aqui e lendo seu cometário concordo c/ tudo e fico triste, mas infelizmente é verdade. E o pior de tudo isso é q os homens (sem generalizar)por mais instruídos q sejam quando se trata de relacionamento também tá c/ uma cabeça tão vazia q de tão vazia não consegue ter uma boa conversa. Estão mais preocupados c/ o sexo,a barriga de tanquinho e músculos fortes.rnrnSinceramente desejo q vc encontre alguém e q vcs dois se completem.

  15. Lindalva Cordeiro Lopes's Gravatar Lindalva Cordeiro Lopes
    27 de dezembro de 2013 20:50 Permalink

    Gostei do texto, pois não falou em submissão da mulher, que eu, particularmente, considero machismo exacerbado. Falou em complementação, ambos em harmonização, sem nenhum querer fazer papel de mandante, casamento para mim é um convívio de pessoas que se amam e se respeitam, homem e mulher são diferentes, se complementam, e esse negócio de mulher submissa, jamais vou engolir. Mulher ajudadora, homem protagonista, isso não existe. Homem e mulher alternam posições, às vezes a mulher toma frente e o homem só auxilia, às vezes ao contrário. Pois como seres humanos que são, igualitários na graça de Deus e na inteligência, não há porque um deles querer mandar o tempo todo.

    • Nara's Gravatar Nara
      28 de abril de 2014 15:22 Permalink

      Perdoem-me a respostta com infinitos erros gramaticais (escrevo mais rápido do que penso), rs. Só para corrigir, eu não sou terapeuta, eu quis dizer que ouço terapias de casais e leio livros de psicologia; assisto a Canção Nova e busco em Deus decifrar a mim, como pessoa, como mulher, e tentar entender o outro mundo, tanto o sexo oposto quanto as relações afetivas entre elas x eles. Isso é algo intrínseco da própria mulher, acho que não sou a única… Abraços, fiquem em paz.