Cristãos perseguidos

A Igreja Perseguida / reportagens

Cerca de 105 mil cristãos são perseguidos todos os anos por causa de sua fé. O número de mártires nos dois últimos séculos supera os de toda a história do cristianismo

Imagem manchada com sangue de cristãos em atentado no Egito

A história do Cristianismo é mesclada com a história de incontáveis mártires que, desde os primeiros séculos até os dias de hoje, testemunham, com o derramamento de sangue, a fé incondicional no Salvador da humanidade.

Já nos Atos dos Apóstolos, temos o relato do martírio de Estevão e o apóstolo Tiago. A partir daí, o Cristianismo é dispersado pelo mundo e chega a Roma, onde sob o imperador Nero (64 D.C) inaugura-se uma verdadeira caça aos cristãos, a qual só terá fim três séculos depois.

“No início, os cristãos precisavam ser bem preparados para assumirem o batismo, porque abraçar a fé, naquela época, significava correr um perigo constante de morte”, afirma padre Carlo, professor de história da Igreja na Universidade Santa Cruz de Roma.

Quando falamos de perseguição ao Cristianismo, nada pode se comparar ao Século XX. Só os mártires provenientes das grandes revoluções e regimes ditatoriais superam os de toda a história. A Revolução Russa (1917), por exemplo, levou à morte cerca de 17 mil sacerdotes e 34 mil religiosos. O Comunismo se espalhou pelo mundo e declarou a religião como subversiva e inimiga do Estado. Igrejas, conventos e seminários são fechados e destruídos. São incontáveis os números de mártires em países como União Soviética, Lituânia, Romênia, China, Vietnã, Camboja e Cuba.

Veja a primeira parte da reportagem 

::Tenha este conteúdo no seu dispositivo móvel
:: Curta nossa página no Facebook 
:: Compartilhe no Google+ 

Na Revolução Nacionalista espanhola (1931), a Igreja Católica é condenada à extinção e considerada um inimigo a ser abatido por todos os meios. Entre sacerdotes, religiosas e religiosos, o número de mortos chegou a 6.832, sendo 13 bispos, 4.184 padres diocesanos, 2.365 religiosos, 283 religiosas e vários seminaristas. Em 28 de outubro, Bento XVI beatificou 398 mártires desta revolução de uma só vez, o que ficou conhecido como a maior beatificação da história da Igreja.

Os cristãos perseguidos hoje

Em nossos tempos, o número de cristãos perseguidos também caminha para se igualar aos do século passado. Segundo o sociólogo investigador David Barrett, no seu livro World Christian Trends AD 30-AD 2200, na primeira década deste milênio foram 160 mil cristãos assassinados e, na segunda década, calcula-se o número de 150 mil. Segundo os cálculos, um cristão é assassinado a cada cinco minutos, um dado que os coloca no topo dos grupos mais perseguidos do mundo.

Por que nem todos sabem destes dados?

“Não é interessante para a mídia divulgar o martírio de cristãos”, diz a missionária do ministério Portas Abertas, um grupo evangélico fundado por Irmão André ainda na época da ‘cortina de ferro’, o qual tem por missão dar suporte a esta Igreja perseguida. Segundo a missionária – que já visitou países como Cuba, Iraque e Paquistão -, os cristãos desses países não possuem, muitas vezes, nem sequer uma Bíblia e vivem a sua fé sob a pressão de grupos radicais islâmicos. “Estes nossos irmãos vivem uma fé autêntica, porque ser cristãos em países hostis ao Cristianismo significa viver sob o constante risco de morte ou tortura. Uma pessoa muçulmana que se converte ao Cristianismo, por exemplo, morre se não voltar atrás, mas, mesmo assim, eles não negam a fé em Jesus”, diz Elizabeth.

Veja a segunda parte da reportagem

Um outro tipo de perseguição

A perseguição em nossos tempos não é somente a física, ou seja, o martírio de sangue. Existe uma outra forma de perseguição que se espalha pelo mundo e por países que, antes, eram profundamente cristãos.

“O Papa fala hoje do martírio da ridicularização, ou seja, se você se denomina cristão no trabalho, na universidade ou coloca um crucifixo no peito, eles o ridicularizam. Vão chamá-lo de alienado, de fundamentalista, medieval. Não é uma perseguição que vem com as armas, mas com a cultura”, explica professor Felipe Aquino, professor de História da Igreja e apresentador da TV Canção Nova.

Um exemplo desta secularização e hostilidade ao Cristianismo, sobretudo à Igreja Católica, mostra-se na França. “Recentemente, a ministra do alojamento francês acabou de pedir, publicamente, que a Igreja devolva imóveis e salas para colocar outras pessoas dentro. O atual governo decidiu voltar atrás no reconhecimento de diplomas dos estudantes sob o argumento de que estas instituições estão ligadas à Igreja e ao Vaticano e não podem gozar dos mesmos privilégios das instituições estaduais”, disse Louis-Marie Guitton, responsável pelo observatório sócio-político da diocese de Toulon, na França.

No Brasil, este laicismo também começa a dar as suas caras. Em março deste ano, a pedido da Liga Brasileira de Lésbicas, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul  (RS) determinou a retirada dos crucifixos e símbolos religiosos dos espaços públicos e prédios da justiça gaúcha. Em novembro, o Procurador Regional dos Direitos do Cidadão, Jefferson Aparecido Dias, pediu a retirada do termo “Deus seja Louvado” das cédulas da moeda brasileira, o Real, com o argumento de que o Estado é laico.

Veja a última parte da reportagem

Um Estado laico significa negar a cultura religiosa de seu povo?

“Nós estamos num Estado cuja maioria da população é cristã, isto significa que ter um crucifixo, por exemplo, num prédio público é respeitar o sentimento religioso desta maioria e também a fé cristã que está impregnada na cultura do Brasil”, diz o advogado especialista em direito civil Aleksandro Clemente.

Já para Elizabeth, da missão Portas Abertas, é preciso que os cristãos do Brasil aprendam com os países que se fecharam ao Evangelho. “Se nós formos ver, os países mais hostis ao Cristianismo, hoje, são aqueles nos quais o Cristianismo era muito forte no início, onde ele nasceu. Nós precisamos estar atentos às leis que tramitam no Congresso, porque nenhum país se fecha ao Evangelho da noite para o dia, as coisas vão acontecendo devagar”, disse a missionária.

Veja mais sobre o tema:

O martírio da ridicularização

Os mártires do século XX e o terceiro segredo de Fátima

A perseguição religiosa no Brasil

.

Tem algo a dizer sobre o tema? Participe!

 

18 Comments to Cristãos perseguidos

  1. Jayson's Gravatar Jayson
    December 26, 2012 12:41 Permalink

    Gostei muito dessas informações…No mundo globalizado nós cristãos precisamso estar informados…Essa perseguições Jesus já nos tinha alertado, mas muitas vezes esquecemos…..

  2. luis gonzaga de castro junior's Gravatar luis gonzaga de castro junior
    December 27, 2012 01:54 Permalink

    A igreja está sendo perseguida de todos os modos e meios possíveis.O que proporciona mais espanto é aquela perseguição mais discreta que muita vezes dentro das famílias, das casas religiosas,as vezes até dentro da igreja e na celebração da Santa Missa,pasme!E qual perseguição é essa?É a competição capitalista por bens materiais,por imagens exclusivas,nos metodos de gestão empresarial que deve atingir um produto final atraente e possa ser comercializados e isso leva a ganância, ao acumulo de bens,a correria do dia-a-dia, a falta de oração e de tempos de muitos presbíteros e pais para as reais necessidades de seus fiéis e filhos.Tudo muito bonito,discreto,colorido,midiático e até é claro religioso,litúrgico e a vida de oração?Essa perseguição sim da muto medo e espanto pois muitas vezes vemos nós mesmos(cristãos) fazendo isso em relação a outros cristãos,principalmente os pequenos e pobres.Outro dia assisti um documentário sobre o Dalai Lama(Budista) e muitas coisas foram mostradas de sua vida e palavras.O que mais impressionou?O seu desapego financeiro vive com menos de US$ 30,00 por dia.Quando nobel da paz doou todo o seu prêmio de US$ 1.000.000 e não ficou com nada vezes nada.Que atitude cristã marcante desse homem que nem cristão é.Oxalá, eu,nós e toda a Igreja de Cristo,sobretudo os mais abastados façamos isso e que já foi nossa marca registra nos primordios de nossa igreja.

  3. Ulisses Silva's Gravatar Ulisses Silva
    December 27, 2012 19:47 Permalink

    PARABÉNS PELA MATÉRIA!!!rnrnImpossível um cristão autêntico comentar esta reportagem sem elogiá-la!!rnrnA Igreja, que somos nós de todos os grupos, movimentos, pastorais, sempre mostrou ao longo de sua história, que cresce em qualidade de testemunho de vida, quando é perseguida!rnrnInfelizmente, à semelhança do povo de Deus no tempo do AT, quando nós ficamos sem \”dificuldades\” para viver nossa fé, espiritualidade, e ações concretas, vamos normalmente RELAXANDO…rnrnA meu ver, hoje um dos piores males que esse relaxamento tem causado é a DIVISÃO entre nós cristãos, e até divisão entre nós católicos! rnrnTalvez infelizmente nós, Igreja do Brasil, estejamos precisando passar por uma fase de perseguição mais aguda, para ver se somos purificados em nossas misérias, e voltarmos à santidade e fidelidade a Jesus e ao Evangelho testemunhados pelos primeiros cristãos!!rnrnNo mais, uma reportagem como essa, é para mim um alerta do próprio Deus para nós fazermos uma revisão de vida, buscarmos um nível mais profundo de conversão, e fazermos algo (ao menos orações sinceras e solidárias) em prol dos irmãos espalhados pelo mundo que estão sofrendo várias formas graves de perseguição!!rnrnQue Jesus realize em nossos corações e vida cotidiana, tudo que o Pai deseja, para que nos tornemos cristãos segundo o Coração de nosso Senhor!

  4. Jackson's Gravatar Jackson
    December 27, 2012 23:09 Permalink

    Acredito que esses dados sobre a Revolução Russa estão errados,esses 17 mil Padres e 34 mil Religiosos são na Revolução Francesa!

  5. Maria Flora Pedroso de A NO PRIMEIROssis's Gravatar Maria Flora Pedroso de A NO PRIMEIROssis
    December 28, 2012 10:20 Permalink

    É muito triste ficar sabendo desses dados sobre os cristãos perseguidos, mas também fico triste quando vejo divisões em nossa igreja por pessoas que as vezez não aceita outro grupo por louvar mais alto ao nosso DEUS, ou por qualquer outro motivo as vezes banal, esquecem a fé, não sabem perdoar, viver como verdadeiros cristãos.

  6. Ana Lúcia's Gravatar Ana Lúcia
    December 28, 2012 10:33 Permalink

    Este site é uma resposta à acusação de que a RCC é alienada. rnExcelente conteúdo, excelente!!rnDeus abençoe!

  7. Valéria's Gravatar Valéria
    December 28, 2012 10:59 Permalink

    As coisas de Deus é muito difícil, quando são assuntos mundanos coisas superficiais, a maioria participa.Eles pedem para retirar crucifixos, coisas que nos lembre de Deus.Mas esquecem que Deus falou o nome de cada um para vir a este mundo, e que um dia voltaremos para ele. Acho que tudo isso devia ser votado pela população e não somente por um grupo que não aceita jesus.rnPor que creio que no final das contas na hora da morte não sobrará um ate,Ou que não dão valor as coisas de Deus!!rnUm certo dia minha filha na escola foi chamada de Santinha por uma coleguinha porque ela usava um crucifixo.Eu disse ,já que vc é santinha fala com ela que vc vai rezar por ela.

  8. Carlos's Gravatar Carlos
    January 2, 2013 17:45 Permalink

    A perseguição hoje continua, eu até tinha me esquecido um pouco do que ouvíamos, o Cristianismo, Goverrno são \”coisas\” que na minha opinião não se casam muito bem. A ganancia por poder é tanta que estamos \”aguentando\” todas as consequências, os efeitos colaterais, eu podia ficar aqui me lamentando de muitas coisas, mas não vou ao contrário tento entender para até ver se é apenas a minha ignorância.

  9. JOSÉ VITORINO's Gravatar JOSÉ VITORINO
    January 5, 2013 23:44 Permalink

    Parabenizo a publicação, fundamental para o nosso conhecimento; o não ocorre na imprensa. Sugiro ainda a divulgação entre nós cristãos, inclusive utilizando as redes sociais.

  10. Anita's Gravatar Anita
    January 9, 2013 01:23 Permalink

    O poder tem corrompido o homem de forma a negar a sua religião,isto é inaceitável.O cristão precisa defender e preservar a sua identidade religiosa.Saber defender a igreja como verdadeiros cristãos.

  11. Iolanda's Gravatar Iolanda
    March 14, 2013 00:23 Permalink

    Atualmente fazem leis de proteção a todo tipo de \”denominação\”. Acho que tá na hora da igreja também exigir leis de proteção à sua crença. Ou senão, não demora os cristãos vão começar a serem mortos e apedrejados nas ruas . Se todos tem direitos de fazer isso ou aquilo pq. os cristão não tem direito de defender sua fé? Cada um tem que ser coerente com aquilo que prega!!!

  12. Sonia Maria Pacheco Diniz's Gravatar Sonia Maria Pacheco Diniz
    April 18, 2013 15:24 Permalink

    Tenho muito orgulho em ser católica,apostólica,romana.Brigo pela minha posiçao de cristã.Creio que todo cristaõ verdadeiro tem que se posicionar a favor, sem reservas.Sigo Jesus Cristo,suas palavras e ensinamentos,e divulgo em todo momento da minha vida.Temos que defender nosso direito de Cristao,seguidores de um Cristo VIVO,que morreu para nos livrar dos pecados,vamos nos unir contra estes anti-cristaos.

  13. Maria AP ( Silvia SP)'s Gravatar Maria AP ( Silvia SP)
    April 19, 2013 00:20 Permalink

    Materia muito boa! Realidade triste. Fiquei pensando, e agradecendo a Deus por ser livre! Mas confesso que temo o nosso futuro, diante do que \”esta oculto\” e alguns vem revelando aos poucos. Queria partilhar tbem com vcs que vi semana passada e ontem outra materia tambem forte triste realidade mas ao mesmo tempo forte, no pragrama \”Ajuda a igreja que sofre\” o que vem depois do Revoluçao Jesus, é esse nome mesmo? A materia sobre a cidade Mangadan com sobreviventes de campo de concentração, onde o padre Michel leva pra aquela gente sofrida um rosto de Cristo e uma chama de esperança.

  14. maria socorroramos's Gravatar maria socorroramos
    May 4, 2013 01:38 Permalink

    e hoje sera que com esse ritmo da moda quando vemos as pessoas com crucifixo no peito sera que estão honrando mesmo a deus ou esta com zombaria.

  15. Marcos Antonio's Gravatar Marcos Antonio
    May 11, 2013 11:47 Permalink

    Faltou falar sobre a inquisição, a perseguição da Igreja Católica e também não se falou sobre a Igreja Católica na Alemanha de Hitler.

  16. itamar jose francisco junior's Gravatar itamar jose francisco junior
    May 14, 2013 08:51 Permalink

    Essa perseguiçao esta em um nivel tao desprezivel que nao estamos mais falando e pedindo a proteçao da nossa mae,voltemos a falar perto de quem quer que seja essa linda oraçao;NOSSA SENHORA.

    • Jaison's Gravatar Jaison
      September 1, 2013 01:40 Permalink

      A igreja católica ao longo da história matou mais cristãos do que qualquer outro grupo. Ninguém falou do decreto dominical de Constantino do quinto século e da obrigação da adoração ao deus sol invictus onde pessoas eram mortas por guardar o sábado, e não adorar o deus sol, acusadas de judaizantes. Outras por ler a bíblia eram mortas também, quantos foram silenciados. Também não foi falado sobre as cruzadas onde várias pessoas eram mortas…

  17. WILLIAM F. PINTO's Gravatar WILLIAM F. PINTO
    October 18, 2013 11:32 Permalink

    GOSTEI MUITO MESMO DESSA REPORTAGEM, POIS NELA EU APRENDI COISAS QUE NEM MESMO EU SABIA.rnA IGREJA É MUITO PERSEGUIDA E OS CRISTÃOS MAIS AINDA, SE JESUS REALMENTE NÃO TIVESSE EXISTIDO, COMO MUITAS PESSOAS ACREDITAM NESSA MÁ FORMA DE BUSCAR O SENTIDO DA VIDA, ESSAS COISAS NÃO ESTARIAM ACONTECENDO DURANTE TODOS ESSES ANOS…