Causas biológicas da depressão

depressão / Reportagens

Esse distúrbio não pode ser diagnosticado por meio de exames de sangue, detectado em chapas de raios-X ou investigado em testes de resistência física. Mas, segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde, será em duas décadas, a doença mais comum do mundo. Você faz ideia do que estamos falando?

Quimicamente, a depressão é causada por uma alteração nos neurotransmissores responsáveis pela produção de hormônios, como a serotonina e a adrenalina, que nos dão a sensação de conforto, prazer e bem-estar. A pessoa acometida por esse mal começa a apresentar sintomas como desânimo, tristeza, pensamentos negativos, vontade de morrer, isolamento e falta de energia para atividades simples.

“Vale ressaltar que há depressões e depressões. Algumas não têm a alteração só de neurotransmissores, pode ser pelo rompimento de um relacionamento, da morte de um ente querido, entre outros fatores”, destaca o psiquiatra Dr. Geraldo Arantes.

Pesquisas recentes comprovam a existência da predisposição genética para essa enfermidade. Os indivíduos nascem vulneráveis a essa doença, que, no entanto, não se manifesta em todas as pessoas predispostas. Isso depende de vários fatores, chamados estressores, os quais funcionam como gatilho.

Por exemplo, o estresse psicológico provocado por qualquer adversidade da vida, o estresse físico, certas enfermidades, o consumo de drogas lícitas ou ilícitas e alguns medicamentos de uso contínuo podem precipitar esse quadro. Entre as drogas lícitas destaca-se o álcool e entre as ilícitas, os estimulantes como a cocaína e as anfetaminas.

A ocorrência de depressão num membro da família aumenta muito a possibilidade de um parente próximo ou de primeiro grau ser afetado pela doença. No entanto, deve-se sempre considerar, nesses casos, não só os fatores genéticos como também os fatores ambientais.

 

.

Tem algo a dizer sobre o tema? Participe!

28 Comments to Causas biológicas da depressão

  1. amanda's Gravatar amanda
    19 de maio de 2011 13:30 Permalink

    Tenho depressão a 10 anos, pelo menos e só agora estou sendo tratada com medicamentos. O que me fez procurar ajuda foi a minha conversão, o meu batismo no espírito santo, que me fez ver que eu não estava bem e que podia contar com a ajuda de Deus e de outros profissionais capacitados. Hoje vou no pscólogo e psiquiatra e também comecei a participar da vida da minha paróquia, e de estudos biblicos, seminários, etc…
    Tudo isso já fez com que o grau da minha depresão diminuísse… e sinto que as coisas começam a se encaixar na minha cabeça e coração. remédios, psicólogos e religião são o tratamento, sem algum destes não seria completo… Sinto que a minha vida está mudando muito… e para melhor… e estou aceitando tudo isso e louvando a deus… tenho as minhas baixas de vez em quando, mas ão me descabelo mais por causa disso!!! Acho importante abordar este tema, pois é importate nós nos informarmos, principalmente quem vive este tema!!! Tenham um bom dia!!!

    • alex albino de carvalho's Gravatar alex albino de carvalho
      19 de maio de 2011 16:25 Permalink

      convivo com esta do emsa mas grasas a deus tenho conseguido supera mas asvesis fico muito nervoso mas pego meu terso e comeso areza pedindo a intersesão da minha maê maria,logo meu corasão vaise au caumando,minha sidade ñ tem profisionau espesialisado,para este poblema minha sidade fica distante de brasilia,mas deus tem medado muita fosa ñ sei como fase asvesis penso q vou fica loco reza por mim,mas grasas a deus ele nunca me a bona, meu lema e nuca desista,por q deus nuca desestiu nos, grasas a deus,,,,,,,,,,,

  2. Suzete Maria Martins Sá's Gravatar Suzete Maria Martins Sá
    19 de maio de 2011 13:58 Permalink

    Tenho depressão faz 7 meses. estou em tratamento com remédios e terapia. Mas o que faz a diferença nesta doença pra mim é a fé em Deus. A certeza do amor dele por mim. A misericória dele na minha vida que é infinita, pois em nenhum momento nesse período eu pensei em morte ou coisa assim. Eu busco sempre estar em oração e quando aperta eu dobro o joelho no chão e peço que o Espirito Santo de Deus venha me resgatar e me dar uma vida nova.Uma música que me acompanha é da Eliana Ribeiro “Força e Vitória” Minha força e vitória tem um nome e é JESUS!!!!

  3. Paulo Dêner Léles Antunes's Gravatar Paulo Dêner Léles Antunes
    19 de maio de 2011 15:13 Permalink

    Tive depressão por 12 anos. Graças a Deus estou me livrando dela. Quero partilhar a importância da espirituralidade das cinco pedrinhas, da adoração eucarística, da Liturgia das Horas, da leitura e da meditação da Palavra de Deus por meia hora, do acompanhamento de médico(a) psiquiatra e de psicólogo(a), da Direção Espiritual, da atividade física, da alimentação adequada para cada fase que a paciente esteja passando, da obediência, da ajuda e compreenção da família, da Comunidade cristã, e da ajuda e apoio dos amigos. O doente de depressão não tem motivação para sair de casa para fazer o que é bom para a recuperação da saúde. Por exemplo: ele não tem motivação, ou melhor, âmimo, para fazer caminhada, andar de bicicleta, ou conforme a situação financeira, frequentar academia de fitness, ou, até mesmo, ir participar da Missa na Comunidade, ou na Matriz Paroquial, por exemplo; ao, até mesmo, fazer um passeio, participar do Grupo de Oração ou da Pastoral; e, até mesmo, alguns Ministros Extraordinários da Comunhão, Presbíteros e Religiosas virtuosos passam por ela especialmente por causa do sobrecarregamento de trabalhos, associado à correria e à má alimentação carente de proteínas e zinco, especialmente encontrada na carne bovina saudável; e de vitaminas e sais minerais das frutas e verduras. É importante, também, que o doente com depressão, ao tomar o antidepressivo, ao sentir sono, à noite, vá dormir. Não é para ficar acordado assistindo, ouvindo ou interagindo com Meios de Comunicação, ou até mesmo rezando – pois isso causa outra doença psíquica terrível: a esquizofrenia. Ou pode, até mesmo, ficar louco. Deus nos livre! O Clopixol, bom remédio para a cura da esquizofrenia, tem como um dos efeitos colaterais, a depressão. A Clomipramina – antidepressivo, tem como um dos efeitos colaterais a cárie dentária. Este medicamento antidepressivo bom(Clomipramina) ssociado, ao Clopixol(medicamento que combate a esquizofrenia) é encontrado nos Postos de Saúde Públicos. Todo medicamento só deve ser tomado por orientação e acompanhamento do médico. Outra coisa muito comum na sociedade: não tomar medicamento; interromper o tratamento e, até mesmo o uso de medicamentos, sem orientação médica, pensando, até mesmo, que já esteja curado, queira Deus que sim – pois essa é a Sua Vontade. Ou, até mesmo, devido aos efeitos colaterais dos medicamentos, suspender, sem ordem ou orientação médica, o tratamento ou o uso dos medicamnetos. Lembre-se: referindo, ao médico, a Palavra de Deus diz: “De Deus lhe vem a Sabedoria”-Dom do Espírito Santo.(Eclo 38,2a).Mas só o médico, “pois foi o Altíssimo, que o criou” (Eclo 38,1), quem poderá lhe dizer isso.É bom, também, verificar na Palavra de Deus, o que o Espírito Santo diz sobre: medicamentos que “o Altíssimo faz sair da terra,e o homem sensato não os rejeita”(Eclo 38,4). Podes verificar, na Palavra de Deus, o que o Espírito Santo diz sobre: médico,Sabedoria e ciência do médico,, medicamentos, farmacêutico, cuidadado da saúde,evitar faltas,purificar dos pecados, Culto(Missa) de Ação de Graças pela cura.(Eclo 38,1ss), “oferenda generosa, conforme tuas possibilidades”, E, depois da cura, verificada pelo médico, deverás seguir a orientação da Palavra de Deus: “Não contes nada a ninguém! Mas vai mostrar-te ao sacerdote e apresenta, por tua purificação, a oferenda prescrita por Moisés”(Mc 1,44). Só o Sacerdote quem pode confirmar a sua cura, já verificada pelo médico. Espero ter contribuído com alguma informação útil.

    Paulo Dêner

  4. valeria's Gravatar valeria
    19 de maio de 2011 19:02 Permalink

    Gostaria de me unir à vocês, dizer que é uma doença muito difícil, muito triste. Eu sofri muito com sensações de falta de motivação pra viver, eu me perguntava: pra que tudo isso? E tenho dois filhos!!! Hoje está sob controle, faço tratamento psiquiatrico e psicologico, começei faz duas semanas a praticar exercicios, me apeguei em Deus e tenho fé que um dia tudo voltará ao normal. INDICO OS LIVROS DO DR. ROQUE SOBRE DEPRESSAO E A NOVENA DO PE. ZEZINHO

    • Julia's Gravatar Julia
      19 de maio de 2011 20:20 Permalink

      Tenho um amigo que está em depressão. É muito difícil ver alguém que vc ama sofrer e não poder ajudar. Não sei o que fazer as vezes, sempre demonstro a atenção, o carinho, a vontade de querer ficar perto pra ele saber que não está sozinho. Mas não sei se isso ajuda ou atrapalha, na verdade, porque ele some, quer ficar isolado, é como se eu estivesse afastando ele ainda mais. No começo , quando eu fiquei sabendo do tratamento dele, comecei a ficar muito trite com a situação, não estava sabendo mesmo lhe dar com todas as ocilações de humor, a ansiedade, enfim todos os sintomas. É muito importante que tenha mais informação sim, e acho importante que, as pessoas que acompanham de perto a depressão, também tenham alguma espécie de acompanhamento. Peço à Deus, em todas as minhas orações, que ilumine a vida dele,que cuide dele, e tenho fé que ele vai ficar bem.

      • Amanda's Gravatar Amanda
        20 de maio de 2011 16:07 Permalink

        Oi Julia…
        Seja compreensiva com seu amigo… Você não precisa concordar com ele, pois as vezes quando a gente está muito ruim (muito depressivo) falamos coisas e só depois vemos que não é bem assim… Às vezes a gente só precisa ser escutado e saber que podemos contar com alguém…Não sei dar bons conselhos, mas sei que quando estamos muito deprimidos precisamos de colo e de alguém que nos diga: “pode falar, eu estou aqui para te ouvir até você cansar de falar tudo” este ato em momentos fortes de depressão, com certeza é o melhor conselho!!! Abbraçoc irmãzinha!!!

      • Amanda's Gravatar Amanda
        20 de maio de 2011 16:09 Permalink

        AHHHH, e muuuuuuiiiiiita oração por ele!!!

  5. cristiane de cassia leite nunes's Gravatar cristiane de cassia leite nunes
    26 de maio de 2011 12:31 Permalink

    esse tema e maravilhoso to cm um quadro depressivo ,nao consiguimdo trabalhar e hj viu ao inss eo medico disse que nao tenho nada oa que fazer vcs podem me ajudar

  6. GRA's Gravatar GRA
    26 de maio de 2011 15:17 Permalink

    ola pessoal!
    as vezes é muito dificil lidar com alguem qeu esta em depressao…. sinto como se estivesse com as maos atadas,as vezes não sei como agir, o qeu falsr, o qeu fazer, se devo deixar a pessoa no canto dela ou me aproximar mais… enfim,, é muito ruim ver alguem que nos amamos cada dia pior, mais triste, mais desmotivada e a gente não saber o que fazer… se eu pudesse eu tomaria todo o sentimento dessa pessoa pra mim…só pra poder ve-lo bem.. mas isso não esta nas minhas possibilidades… tenho buscado orientação em Deus e tenho sim obtido respostas positivas dele… mas a cada dia é uma surpresa, quando parece qeu esta tudo bem, as vezes volta tudo novamente… EU CONFIO EM DEUS E SEI QUE ELE AJUDA A PESSOA DEPRESSIVA, E TAMBEM ORIENTA A NOS QUE CONVIVEMOS E AMAMOS ESSAS PESSOAS A SABER LIDAR COM ELAS!
    ACREDITO QUE O AMOR CURA, POIS VEM DE DEUS…
    ENTAO AMEMOS MAIS E AI SABEREMOS O QUE FAZER!
    DEUS ABENÇOE A TODOS!

  7. EMANIUEL RAFEL DANTAS's Gravatar EMANIUEL RAFEL DANTAS
    17 de novembro de 2011 10:47 Permalink

    ENVIAR MENSAGENS DE OTIMISMO.

  8. LENICE BRAGA ARAGAO's Gravatar LENICE BRAGA ARAGAO
    29 de maio de 2012 15:32 Permalink

    SOFRO DO TRANSTORNO DEPRRESSIVO HÁ OITO ANOS, FAÇO TRATAMENTO MÉDICO COM FARMACOS COMO: VENLAFAXINA, RESPIRIDONA, E DIAZEPAN. TENHO A SENSAÇÃO DE QUE TOMAREI ESSA MEDICAÇÃO PRA SEMPRE; JÁ CONSEGUI ME LIVRAR DE OUTROS MEDICAMENTOS, MAS DESSES NUNCA CONSEGUI DESDE ENTÃO. O MEU DIA É ALTERNADO ASSIM SINTO UM MAL HUMOR PELA MANHÃ, TRISTEZA, AO LONGO DO DIA, MAIS TARDE VAI MELHORANDO OS SINTOMAS. JÁ TIVE SURTO PSICÓTICO, VIA COISAS, CHORAVA TODO O DIA; FIQUEI INTERNADA VÁRIOS DIAS. MAS GRAAÇAS A DEUS, ESTOU AQUI PARA RELATAR PARA VCS SOBRE O SOFRIMENTO QUE A DEPRESSÃO CAUSA NA VIDA DE UMA PESSOA. MESMO COM TANTAS DIFICULDADES JESUS SEMPRE ESTEVE COMIGO E ESTÁ, PASSANDO COMIGO AS MINHAS DORES.

  9. janaina barbosa nogueira's Gravatar janaina barbosa nogueira
    29 de maio de 2012 17:17 Permalink

    obridada gostei muito da matéria e cheguei a conclusão que preciso procurar um especialista na área urgente pois apresento todos os sintomas que o doutor falou e esta atrapalhando muito minha vida socialmente

  10. Vilma Ap. Pereira do Nascimento's Gravatar Vilma Ap. Pereira do Nascimento
    7 de junho de 2012 19:29 Permalink

    sou de Taubaté, e minha irmã esteve 3 meses no estágio mais profundo da depressão, numa escala de 0 a 10, ela esteve até o zero. Sou sócia da c nova e fizemos questão de trazê-la num kairós com dr Roque Saviolli, ano passado, levei-a para oração na Obra de Maria, e Deus esteve sempre do nosso lado… Assim que chegamos para a palestra, logo veio um rapaz, desconhecido, e nos ofereceu uma garrafa dágua, eu imediatamente dei a minha irmã, que só chorava, os olhos dela não tinham mais vida, não tinha brilho. Eu jamais vi tanta compaixão num olhar de um estranho. Quando acabou a palestra, eu, minha irmã fomos até ele e ele nos deu um abraço tão reconfortante e disse que ela ia se curar… Após um mês, em visita a minha irmã, aconteceu a cura, ela teve uma crise, como se tivesse um AVC, os lábios e as extremidades dos dedos ficaram roxos, enrigeceu o corpo todo, parecendo um pedaço de pau, e dentro de alguns poucos minutos, que pareciam horas, ela voltou daquele estado de depressão, se desfalecendo. Pensávamos que estava morrendo, e pra glória de Deus, sua cor foi voltando ao normal,e quando abriu os olhos vi nos seus olhos que tinha ocorrido ali um milagre, pois o brilho voltou ao seu olhar, e ela voltou a ter vida…Choramos muito, e agradecemos a Deus pelo milagre visível aos nossos olhos… Ela tem 30 anos, e ela emagreceu muito, mas a partir desse momento ela voltou a ter apetite e reclamou de fome, comendo 3 pratos de comida. Nós viamos tudo aquilo e chegavamos quase não acreditar, pois 5 min antes ela estava demorando meia hora para comer um pedaço de bolacha. Agradeço a todos que rezaram e oraram por ela, católicos, evangélicos, e em especial a Canção Nova, que com orações, mesmo estando fora do horário, com muitos para atender, não recusou a atendê-la em oração e confissão, e com olhar e a misericórdia daquele jovem, que nunca vi, oferecendo uma água, e nos dando um abraço que jamais senti tanto conforto, creio que o próprio Cristo nos abraçou e nos mostrou, pra mim, e para todos que conhecem a minha irmã, que a oração faz grandes milagres, e hj, depois de 1a 6m testemunho novamente a glória de Deus que tudo pode e faz milagres em nossas vidas, mesmo que não mereçamos. Louvado seja NSJC. Obrigada a Canção Nova poe existir e ser canal de bençãos em nossas vidas. A todos que passam por essa dor, fé e oração, cura qualquer doença. Sou testemunha disso.

  11. Andrea's Gravatar Andrea
    13 de maio de 2013 21:49 Permalink

    Estou passando por um momento muito difícil,por conta da minha separação conjugal, estou muito triste, choro muito até os olhos incharem, com insônia, manchas roxas nos braços e nas pernas, não tenho vontade de fazer mais nada em casa, tenho ido para o trabalho, mas estou se aborrecendo muito, com mudanças de humor muito repentinas, estou com medo, acho que estou com depressão, fui a uma psiquiatra, ela me receitou um antidepressivo e um remédio para dormir, mas não comprei, não… estou com medo de me tornar dependente, por favor, me ajude!!!! Obrigada, Andrea

  12. Arlete N.Brandão's Gravatar Arlete N.Brandão
    14 de maio de 2013 23:39 Permalink

    Concordo plenamente com tudo o que foi dito. Tive uma profunda depressão há uns 20 anos atrás, pela dor da separação de alguem a qual amava muito(ela não faleceu, mas foi arrancada do meu convívio). Foi pior do que a morte. Foi através da fé e muita oração e comunhão diária, que fui curada. Hoje sou dependente da Eucaristia, graças a Deus, e exercito o perdão diário e creio que é esse o caminho. Vivo em sintonia com meu Deus, e evito a ociosidade. Sou engajada na minha comunidade e procuro colocar os poucos talentos a serviço do Reino de Deus.

  13. Priscilla da Mata's Gravatar Priscilla da Mata
    18 de maio de 2013 23:35 Permalink

    Muito pertinente e esclarecedor. A medicação dos problemas além de não os resolverem acabam gerando outro: o vício. Nem todo mundo precisa de remédio, cuidado com o que a indústria da doença propagandeia. rnrnParabéns pela reportagem!

  14. Luiz gustavo Rezende Monteiro's Gravatar Luiz gustavo Rezende Monteiro
    11 de junho de 2013 13:00 Permalink

    Sim.Na minha familia por parte de mãe tem disturbios em varios graus,como o transtorno bipolar. Acredito estar achando acura não só pelo medicamento mas pelo encontro especial com o Espirito Santo em 2007.ondetambem recebi dons carismaticos e descobri na faculdade theodeana que não são todos que tem transtorno desenvolvem o desdobramento do espirito.Chamado de apometria uqe não é espiritismo , mas uma mesa farta com coisas boas e ruins. Mas é de conhecimento dos espiritas que acolheram esta ferramenta de trabalho de um bioquimico porto riquenho,oqual foi acolhido noshospital espirita pelo Dr Lacerda.os internados em hospitais e clinicas particulares precisam da medicação e de um tratamento de cura e libertação como no meu caso eu já não tenho mais as fases de depressão e estou tentando com muita dificuldade controlar a fase demania por influencias não só naturais como sobrenaturais.Se caso interessar responder pelo email.

    • maria isabel's Gravatar maria isabel
      29 de outubro de 2013 20:51 Permalink

      meu nome é maria isabel, e eu tenho depreção ja vai fazer 1 ano. sofro muito com isso e parece que minha vida nao tem sentido. preciso ser feliz!

  15. Cláudio Joventino de Freitas's Gravatar Cláudio Joventino de Freitas
    11 de novembro de 2013 12:29 Permalink

    Sim, achei o tema muito interessante e bem abordado. Realmete, eu que já passei por sérios momentos de depressão, posso dizer que a depressão é uma doença da alma, que tira de nós possibilidades de visuslizar uma luz no fim do túnel. Por isso termos a humildade de admitir que estamos doentes, e assim buscar cura, tendo em vista os divewrsos mecanismos abordados no texto.rnSeria bom que se pensasse em criar um “grupo de depressivos anônimos, como já existe o de alcoólicos anônimos e outros.

  16. Adriana's Gravatar Adriana
    11 de novembro de 2013 12:30 Permalink

    Afirmo o quanto essa doença é ruím e atrapalha o desenvolvimento normal da vida da pessoa que sofre, os piores sintomas são os medos e a falta de vontade de viver, a pessoa se questiona a todo tempo porque está acontecendo isso comigo eu não era assim? pois é essa doença esmaga o corpo e alma e nada mais eficaz do que buscar deus nessa fase tão dificil na vida de uma pessoa. o pior é que ela chega e nunca sabemos quando ela vai embora, os médicos simplesmente prescrevem remédios e não sabem dizer até quando é necessário o uso, como se remédio curasse as dores da alma, o remédio mais recomendado é a oração. a todos que sofrem dessa enfermidade eu digo não desista de vencer esse mal ele não é maior que o deus do universo.

  17. ANE's Gravatar ANE
    4 de março de 2014 10:05 Permalink

    ESSA DOENÇA É UM CÂNCER DA ALMA IMPOSSÍVEL SAIR DELA.

  18. rose mary palmas's Gravatar rose mary palmas
    30 de abril de 2014 01:07 Permalink

    Só Jesus Cristo, que está vivo, pode curar!

  19. rose mary palmas's Gravatar rose mary palmas
    30 de abril de 2014 01:08 Permalink

    Só Jesus pode curar depressão!

  20. Claudia's Gravatar Claudia
    3 de junho de 2015 23:04 Permalink

    Estou passando por turbilhões dentro de mim e na minha vida: estou desempregada há 1 ano (ultimo emprego temporário na Copa, durou 1 mês), sem contar com este da um total de 3 anos, há exatos um mês o término de um relacionamento que a pessoa saiu da minha vida (durou 2 anos) sem dar uma explicação, conversar qualquer, apenas saiu saindo… meu mundo caiu em tudo! Quem olha assim ou escuta quando digo que com dificuldades conseguir algo, que não precisa ter um salário absurdamente maravilhoso, quero recomeçar do zero, mas não pinta nada, nem entrevista… o desespero pairou sobre mim, entrei num cursinho para concurso, estou estudando, porém, o imediatismo é urgente para continuar pagando as contas. Hoje, aos 43 anos, me vejo voltar para a casa da minha mãe. Estou desesperada! Não consigo sair do lugar… na rede pública para conseguir um psiquiatra tem que aguardar uns 6 meses… tento, não posso dizer que estou com a minha fé acima de tudo, não, nao estou, mas tento rezar, ler a bíblia, artigos, conversar, mas não é o suficiente… estou desacreditada, sem chão!

  21. ivanice maria de frança's Gravatar ivanice maria de frança
    2 de julho de 2015 16:35 Permalink

    gostei bastante desse assunto,pois a depressão não é desencadeada apenas por desequilibrio dos neurotransmississores, mas pela pre disposição genetica, o ambiente no qual o estressor é frequente.
    sou profissional da are de suade e trabalho em uma rede multidisciplinar obrigada

  22. carlos roberto de azevedo's Gravatar carlos roberto de azevedo
    20 de setembro de 2015 09:38 Permalink

    tenho a pessoa que durante o dia parece ser duas ou mais pessoas e também com humores diferentes pode se dizer uma pessoa depressiva muito das veses so quer ficar sozinha e procura a fazeres com iutras pessoas a quem se torna amiga sera um refugio pra ela ficar lobge da família

  23. Paulo Valadares Figueiredo's Gravatar Paulo Valadares Figueiredo
    2 de novembro de 2015 17:52 Permalink

    Tenho tratado da Depressão, com medicamentos do Psiquiatra, me ajudou muito, mas tenho Fé e Crença no poder Supremo que é Deus, faço minhas orações e meditações as quais me ajudam muito levar minha vida adiante.
    Pensamentos negativos, pensamento em suícidio passa em minha cabeça, mas tudo passa e vou vivendo com novas esperanças.
    Quando estou mal, procuro consultar com meu Psiquiatra, que me receita remédios paliativos, saindo-me da crise. Consulto de 06 em 06 meses.
    Ele me alertou que não é conveniente o uso de bebidas, porque agrava o quadro, e também corta os efeitos dos medicamentos.